Nossa Senhora da Assunção e São José


72- DEIXE JESUS OLHAR PARA VOCÊ!

Livro da Vida 13, 21 - 22

 

Bendito sejais, Senhor, que tão inábil e sem utilidade me fizestes! Mas louvo-Vos muito, porque despertais tantos que nos despertam. A nossa oração por quem nos dá luz devia ser contínua. Que seríamos sem eles em meio às tempestades tão grandes que ora atingem a Igreja? Se tem havido alguns ruins, mais brilharão os bons. Queira o Senhor sustentá-los com a Sua mão e ajudá-los para que nos ajudem, amém.
Eu me afastei muito — e de propósito — do que comecei a dizer; mas tudo tem como alvo os iniciantes, para que comecem caminho tão elevado seguindo o rumo verdadeiro. Voltando ao que dizia, pensar em Cristo atado à coluna, é bom pensar um pouco e refletir sobre os sofrimentos que Ele teve ali, por que os teve, quem é e com que amor os suportou.
Mas ninguém se canse em procurar sempre isso, mas, aquietado o intelecto, fique ali com Ele.
Se puder, que se ocupe em ver que Ele o olha, fazendo-Lhe companhia, falando com Ele, pedindo, humilhando-se e deliciando-se com Ele, tendo sempre em mente que não merece estar ali. Se puder fazer isso, mesmo que seja no princípio da oração, terá grande proveito, pois esse modo de oração é muito benéfico, ou ao menos o foi para a minha alma.
Não sei se falo verdades; vossa mercê o julgará. Queira Deus que eu sempre consiga contentá-Lo, amém.

 

 

Sob o olhar de Cristo, deslizemos nosso pincel sobre a tela de nossa vida, confiantes na sua presença e amor. Tendo a companhia de Frei Ivo, atentos às suas indicações, demos colrido sempre novo a nossos passos.

 

Santa Teresa, com uma sensibilidade fantástica nos diz: “Se você puder, olhe, veja que Jesus olha para você, fazendo-lhe companhia, falando com Ele, pedindo, humilhando-se e deliciando-se com Ele, tende sempre em mente que você não merece estar ali”. 

 

 

    Que maravilhosa experiência é esta de sentir  que Jesus, está olhando para você!
    Saber quem é Jesus e ter consciência de quem sou eu!
    E Jesus, o Filho de Deus, olhando para mim, criatura tão pequena, tão frágil, tão cheia de misérias e de pecados.
    Na verdade, a gente nunca vai conseguir entender como é que pode um Deus, dirigir seu olhar para uma simples e pobre criatura.
    O Papa Francisco nos diz: “O olhar de Jesus sempre nos faz dignos, nos dá dignidade”.
    Comentando o capítulo 9, 9-13 do evangelho narrado por Mateus, Francisco nos diz: “Jesus olha Mateus, nos olhos. Um cobrador de impostos, um pecador público. O dinheiro é a sua vida,
o seu ídolo. Mas naquele momento, Mateus sente no seu coração o olhar de Jesus dirigido a ele”.
    E aquele olhar de Jesus envolveu Mateus totalmente. Transformou a sua vida. Assim que Mateus percebeu e sentiu o olhar de Jesus, levantou e o seguiu. 

 


    E isso é real, verdadeiro: o olhar de Jesus sempre nos levanta. É um olhar que nos eleva, que jamais nos abandona,. É um olhar que jamais humilha. É um olhar que nos leva a crescer, a ir adiante, que encoraja, porque nos quer bem.
    Jesus olha para cada pessoa da multidão e o povo sentia como se Jesus dissesse o seu nome pessoal. 
    Conforme os relatos bíblicos, Cristo vai à casa de Mateus e enquanto se senta à mesa, chegam muitos publicanos e pecadores. E Jesus olha para todos eles. Aquele gesto, creio eu,
foi como um sopro sobre a brasa, que lhes restituiu a dignidade.
    O olhar de Jesus sempre nos faz dignos, nos dá dignidade. É um olhar generoso.
    Todos os que crêem, já sentiram este olhar e não somente uma vez, mas muitas vezes.
Talvez na pessoa de um sacerdote que nos ensinava a doutrina ou que nos perdoava os pecados... talvez na ajuda daquelas pessoas amigas...  
    Todos nós nos encontraremos diante daquele olhar... aquele olhar maravilhoso...
    E vamos avante na vida, na certeza de que Ele nos olha!
    Jesus espera cada um de nós para um olhar definitivo. E aquele último olhar de Jesus sobre a nossa vida será para sempre, será eterno.

 


    Eu peço a todos os santos que foram olhados por Jesus, que  nos ajudem para que, na vida,   saibamos deixar Jesus nos olhar e que nos preparemos também para aquele último e primeiro olhar de Jesus”.
    Quem sabe, no nosso relacionamento com Jesus, nós precisemos aprender um pouco mais a arte de saber silenciar e de saber que no silêncio, iremos descobrir e sentir que Jesus está nos olhando.
    Quem sabe, no nosso relacionamento com Jesus, nós precisemos nos abster um pouco mais de tantas palavras ditas e pronunciadas, para no silêncio, contemplarmos este Deus que dirige o seu olhar para nós.
    Tente fazer esta experiência!
    Tente escutar Teresa lhe dizendo: “Olha que Ele te olha”
    Pegue o pincel e retrate na tela de sua vida, esta encantadora imagem, onde aparece Jesus olhando para você. E neste olhar de Jesus, veja como seu semblante se transforma por sentir um olhar tão misericordioso para com você!
    

Frei Ivo Bortoluz OCD 


                                                                    Vamos rezar com as Irmãs...
 

                                                                         

Ó Santa Teresa de Deus amada,
grande amiga do Senhor, dá-nos sede de Deus...      

Concede-nos ó Deus a grande graça de silenciar para contemplar o olhar de Cristo sobre nós, sobre nossa vida, sobre nossa história. Que transformados po esse olhar corramos ao encontro de suas promessas definitivas. Amém.