Nossa Senhora da Assunção e São José


Santa Teresinha do Menino Jesus

Virgem de nossa Ordem, Doutora da Igreja

Maria Francisca Teresa, nasceu em 2 de janeiro de 1873, filha de Luis Martin e Zélia Guérin.     

É sem dúvida a santa carmelita mais conhecida e mais amada pelo povo. O povo encontra nela confiança e proteção, sabe que do céu faz cair uma chuva de graças. É uma santa simpática, cheia de entusiasmo, de vitalidade. Entrou no Carmelo com 15 anos. Ao longo de sua vida, ficou muito doente por causa da tuberculose. Aceitou com humildade e simplicidade o sofrimento, oferecendo como vítima ao amor misericordioso pela Igreja e os sacerdotes. Deu início a uma nova forma de espiritualidade: a pequena via do amor. Escreveu a História de uma Alma, que é um livro belíssimo, onde, com simplicidade, relata as maravilhas do Senhor. Morreu no dia 30 de setembro de 1897. Celebra-se sua festa no dia 1 de outubro. É padroeira das missões.  

Sua beatificação ocorreu no dia 29 de abril de 1923 pelo Papa Pio XI. Dois anos depois, aos 17 de maio, foi canonizada solenemente na Basílica de São Pedro em Roma. O Papa João Paulo II proclamou-a Doutora da Igreja no dia 19 de outubro de 1997.

"Ó meu Deus! Bem-aventurada Trindade, desejo amar-vos e fazer que vos amem, trabalhar pela glorificação da Santa Igreja, salvando as almas que estão na terra, e libertando as que sofrem no Purgatório. Desejo cumprir, perfeitamente, vossa vontade e alcançar o grau de glória que me preparastes em vosso Reino. Numa palavra, desejo ser santa, mas sinto minha insuficiência, e peço-vos, ó meu Deus, sede vós mesmo a minha santidade.